Legend por Marie Lu

 Sinopse
"Ambientado na cidade de Los Angeles em 2130 D.C., na atual República da América, conta a história de um rapaz – o criminoso mais procurado do país – e de uma jovem – a pupila mais promissora da República –, cujos caminhos se cruzam quando o irmão desta é assassinado e a ela cabe a tarefa de capturar o responsável pelo crime. No entanto, a verdade que os dois desvendarão se tornará uma lenda. O que outrora foi o oeste dos Estados Unidos é agora o lar da República, uma nação eternamente em guerra com seus vizinhos. Nascida em uma família de elite em um dos mais ricos setores da República, June é uma garota prodígio de 15 anos que está sendo preparada para o sucesso nos mais altos círculos militares da República. Nascido nas favelas, Day, de 15 anos, é o criminoso mais procurado do país; porém, suas motivações parecem não ser tão mal-intencionadas assim. De mundos diferentes, June e Day não têm motivos para se cruzarem – até o dia em que o irmão de June, Metias, é assassinado e Day se torna o principal suspeito. Preso num grande jogo de gato e rato, Day luta pela sobrevivência da sua família, enquanto June procura vingar a morte de Metias. Mas, em uma chocante reviravolta, os dois descobrem a verdade sobre o que realmente os uniu e sobre até onde seu país irá para manter seus segredos."

Autor: Marie Lu

Editora: Prumo
Páginas: 256
Ano: 2012
Gênero: Distopia
    

Legend é uma distopia que tem alguns clichês mas ainda assim consegue ser de um nível acima da média, o livro me conquistou com as cenas de ação super bem escritas e com a pitada necessária de romance.


Quando li a sinopse de Legend pensei: Vai ser bom, mas só isso, não criei expectativas, não fiquei lendo resenhas, simplesmente quis ler porque achei que seria um bom livro, principalmente pela ideia do duelo entre os dois protagonistas. Acabei me surpreendendo com uma das melhores leituras do ano.

A narrativa da Marie Lu é ótima, ela leva o leitor muito facilmente o que faz com que a leitura seja rápida e prazerosa. O livro tem um começo meio parado mas pega um ritmo mais acelerado la pela pagina 70, alem de muita ação o tempo todo o modo como a autora desenvolve o texto é fulminante e o fato de ela conseguir passar as cenas tão detalhadamente faz que eu me encantasse ainda mais pela historia.

Day e June são encantadores, são aquele tipo de personagem que você sabe que não vão deixar nada a desejar, são inteligentes, fortes e cuidam de si mesmo, são completamente independentes. Eles já são assim separados, agora já imaginou os dois juntos?. A mistura perfeita.

Um ponto negativo para o livro pra mim é que os personagens secundários acabam não sendo tão desenvolvidos, mas com personagens principais tão bons, da pra relevar. O romance também não é o foco, há poucas cenas de romance. A química entre os dois é evidente mas não interfere no ritmo do livro e muito menos é algo forçado. É natural, natural e belo.


A edição da editora Prumo esta linda, o livro é pequeno, mas vi que a editora teve um carinho gigantesco com cada detalhe do livro, os capítulos são intercalados entre o Day e a June, cada capitulo tem uma fonte diferente e os capítulos da June tem o símbolo da republica que esta na capa ao lado do nome dela, além disso, o livro é todo ''manchado'' de cinza, dando todo um ar de guerra.


Legend é uma distopia ótima, ela sem muitas pretensões consegue prender o leitor e o faz emergir completamente no mundo criado pela autora. Com um ritmo certo e personagens cativantes, é difícil não se apaixonar e querer se desgrudar de uma historia tão cativante em que os altos e baixão não estão no livro mas sim nas decisões tomadas pelos personagens.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Adulto por Gillian Flynn

Sumiço, Mudanças + O Que ando lendo

Os Lançamentos de Julho | 2016